Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Lourenço celebrou a paz e depois fez uma revolução

A 4 de abril, Angola celebrou o Dia da Paz, que marca o fim da guerra civil no país. Dois dias depois, ao final da tarde, João Lourenço comunicou uma gigantesca “limpeza do balneário” governativo, exonerando 17 ministros e 24 secretários de Estado por “conveniência de serviço”.

#13 - João Lourenço
José Coelho / Lusa
Celso Filipe cfilipe@negocios.pt 07 de Abril de 2020 às 21:57
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

A 4 de abril, Angola celebrou o Dia da Paz, o qual assinala o fim da guerra civil que dilacerou o país até 2002. Dois dias depois, João Lourenço procedeu a uma autêntica revolução silenciosa no seu governo, exonerando 17 ministros (num governo com 28 ministérios) e 24 secretários de Estado de uma assentada, sem dar qualquer explicação a não ser a burocrática “por conveniência de serviço

...

Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais João Lourenço Dia da Paz Angola Manuel Augusto Adão Correia de Almeida Silviano Marques Defesa política
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias