Economia Mapa: Como compara o poder de compra do seu município com o resto do país

Mapa: Como compara o poder de compra do seu município com o resto do país

Em apenas 32 dos 308 municípios portugueses o poder de compra per capita está acima da média nacional. Veja os dados de todos os concelhos.
Nuno Carregueiro 16 de novembro de 2019 às 10:00

O Instituto Nacional de Estatística publicou esta semana o Indicador per Capita (IpC) do poder de compra referente a 2017, que tem como objetivo traduzir o poder de compra manifestado, em termos per capita, nos diferentes municípios ou regiões, tendo por referência o valor nacional (Portugal = 100).

 

Com base nos dados do INE, o Negócios produziu o mapa em cima, onde é possível visualizar os IpC para todos os concelhos, bem como a evolução ao longo dos anos (o gráfico está disponível ao selecionar cada concelho).

 

O INE conclui que 32 dos 308 municípios portugueses o poder de compra per capita situava-se acima da média nacional, com destaque para os concelhos na região de Lisboa e Porto.

 

O município de Lisboa apresentava o IpC mais elevado (219,6), mais que o dobro do índice nacional, e, nas 15 primeiras posições correspondentes a um IpC superior a 110, encontravam-se ainda três municípios da Área Metropolitana de Lisboa: Oeiras (156,5), Cascais (122,1) e Alcochete (118,8). Do total dos 18 municípios da Área Metropolitana de Lisboa, 10 apresentavam um poder de compra abaixo da média nacional, destacando-se a Moita (82,0), Odivelas (89,3) e Seixal (89,7), com menos de 90% da média nacional.

 

Além dos territórios metropolitanos, também os municípios correspondentes a algumas capitais de distrito revelavam um poder de compra per capita superior à média nacional, com relevância para Faro (132,5), Coimbra (128,7), Aveiro (123,1) e Évora (117,3), com valores de IpC superiores a 110.

 

No conjunto do território nacional, 149 municípios (48% do total de municípios) apresentavam valores de IpC inferiores a 75.

pub

Marketing Automation certified by E-GOI