Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Merkel diz que saúde da economia alemã depende do estado da economia da UE

A chanceler alemã, Angela Merkel, afirmou hoje que a saúde da economia alemã depende da situação económica da União Europeia, apesar de as exportações para a região estarem no nível mais baixo dos últimos 20 anos.

Lusa 19 de Maio de 2012 às 16:46
  • Assine já 1€/1 mês
  • 7
  • ...
“Temos de obter vantagens das nossas oportunidades de exportação. Isso significa que devemos proteger os nossos mercados na União Europeia e garantir uma moeda estável e o crescimento”, defendeu, nas suas declarações semanais em podcast.

Na opinião da governante alemã, que se encontra nos Estados Unidos para a cimeira do G8, “uma política orçamental sólida – através de um pacto orçamental – deve estar ligada a iniciativas para o crescimento” na Europa.

Esta declaração reitera a posição assumida pela chanceler alemã esta semana, num encontro em Berlim com o novo Presidente francês, François Hollande, em que Angela Merkel voltou a defender o Tratado Orçamental, para promover maior disciplina orçamental na Europa.

As exportações da Alemanha para os países da União Europeia caíram 59,2 por cento, no ano passado, situando-se no valor mais baixo dos últimos 20 anos e após quedas consecutivas ao longo de cinco anos.


Em 2007, antes do início da crise financeira mundial, 64,6 por cento das exportações da Alemanha destinavam-se aos países da UE, mas este número desceu à medida que países com economias emergentes como o Brasil, a Índia, a Rússia e, em particular, a China mostraram um apetite crescente pelas importações alemãs.

Ver comentários
Outras Notícias