A carregar o vídeo ...
Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Nova Zelândia escolhe nova bandeira entre quatro finalistas

A discussão em torno da bandeira da Nova Zelândia já existe há décadas e agora o Governo do país vai mesmo avançar para um referendo. Os quatro desenhos finalistas para o referendo da nova bandeira já são conhecidos.

Bloomberg
André Vinagre andrevinagre@negocios.pt 01 de Setembro de 2015 às 12:49
  • Assine já 1€/1 mês
  • 3
  • ...

A população da Nova Zelândia vai poder escolher entre quatro bandeiras alternativas desenhadas por um painel designado pelo Governo neozelandês: três desenhos de samambaias, planta típica do país, e uma espiral a preto e branco.

 

Esta lista de quatro alternativas para a bandeira neozelandesa foi anunciada pelo primeiro ministro adjunto Bill English no museu nacional Te Papa Tongarewa em Wellington esta terça-feira, dia 1 de Setembro, refere o Guardian. E as imagens estão a correr mundo, através da imprensa e das redes sociais.


Em Março de 2014, o primeiro-ministro neozelandês John Key anunciou um referendo para a população decidir se quer uma nova bandeira ou não.

 

O referendo vai decorrer em duas fases, entre 2015 e 2016. Numa primeira fase irá escolher-se uma bandeira alternativa, do lote das quatro finalistas, e numa segunda fase vai decidir-se se se mantém a bandeira já existente ou se se altera para a bandeira escolhida na primeira fase.

 

A população neozelandesa vai classificar as quatro bandeiras de acordo com as suas preferências num referendo que vai acontecer entre o dia 20 de Novembro e 11 de Dezembro deste ano. O segundo referendo que irá opor a bandeira alternativa mais votada à bandeira actual irá ocorrer em Março do próximo ano.

 

A discussão em torno da bandeira da Nova Zelândia já existe há décadas. A maior parte da população quer uma nova bandeira a representar o país. Entre os argumentos contam-se o facto da bandeira neozelandesa ser demasiado parecida à da Austrália, o que não representa o país como uma nação soberana e independente e também devido ao facto de a bandeira actual representar apenas o legado histórico britânico, esquecendo os povos indígenas, como os Maori e outros grupos étnicos.

 

O Governo da Nova Zelândia já afirmou que se se escolher uma nova bandeira, ela vai ser adoptada seis meses após o referendo final.

Ver comentários
Saber mais Nova Zelândia bandeira Bill English John Key
Outras Notícias