Economia Os argumentos da Madeira e do Ministério das Finanças
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

Os argumentos da Madeira e do Ministério das Finanças

O Governo regional e a equipa das Finanças estão numa disputa sobre os juros a cobrar num empréstimo feito pela República à região autónoma no tempo da troika. Estes são os argumentos de um lado e do outro.
Os argumentos da Madeira e do Ministério das Finanças
Homem de Gouveia/Lusa
Margarida Peixoto 05 de setembro de 2018 às 22:45

JUROS
Madeira
Quer um juro de 2,5%, sem "spread". Diz que o financiamento foi feito com o dinheiro da troika e por isso deve pagar o que o Estado paga aos credores internacionais. "A Madeira não admite

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 23:00
Saiba mais
pub

Marketing Automation certified by E-GOI