Mercado de Trabalho Patrões contrariam Governo sobre o banco de horas
Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium Se já é assinante, faça LOGIN

Patrões contrariam Governo sobre o banco de horas

É uma das alterações que consta da curta lista do Governo: a eliminação do banco de horas por negociação individual. Mas qual a sua relevância? Governo conclui que só chega a 23 mil trabalhadores. Patrões contestam credibilidade dos dados e garantem que só num grupo há mais trabalhadores.
Catarina Almeida Pereira 27 de fevereiro de 2018 às 23:20

Quando defende a eliminação do banco de horas por negociação individual, Vieira da Silva também acrescenta que não é disso que depende a competitividade das empresas. Na base desta conclusão estã

)

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 22:00
Saiba mais
pub