Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Pedidos iniciais de subsídio ao desemprego caem nos EUA

O número de pedidos iniciais de subsídio ao desemprego registados nos EUA na semana que terminou a 10 de Julho último ascendeu a 339 mil, o que significa uma redução de 11 mil inscrições face aos sete dias imediatamente anteriores, anunciou hoje o Governo

Isabel Aveiro ia@negocios.pt 22 de Julho de 2004 às 13:41
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O número de pedidos iniciais de subsídio ao desemprego registados nos EUA na semana que terminou a 10 de Julho último ascendeu a 339 mil, o que significa uma redução de 11 mil inscrições face aos sete dias imediatamente anteriores, anunciou hoje o Governos dos EUA.

De acordo com os dados hoje divulgados pelo departamento do Trabalho daquele país, o número de pedidos iniciais registados na semana antecedente, terminada a 3 de Julho, foram igualmente revistos, para 350 mil.

Os economistas consultados pela Bloomberg aguardavam, em média, que o número de registos iniciais para subsídio ao desemprego caísse para 345 mil, tendo por base uma leitura inicial de 349 mil.

Os dados hoje anunciados revelam ainda que a média das últimas quatro semanas atingiu os 336,75 mil, contra os 339,25 mil antecedentes.

Em termos acumulados, a média mensal alcançada este ano é de 345,6 mil pedidos iniciais, contra um saldo de 402 mil em 2003.

O número de pessoas que continuam a beneficiar de apoio do governo dos EUA para sobreviver a situações de desemprego sofreu uma redução de 167 mil, atingindo agora os 2,797 milhões de indivíduos, o nível mais baixo desde 12 de Maio de 2001, de acordo com os dados da agência de informação norte-americana.

Outras Notícias