Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Petróleo ganha terreno pela primeira vez em sete dias

A matéria-prima está a ser impulsionada por uma nota do Goldman Sachs e pela expectativa que a China adopte uma política monetária menos agressiva, focada no crescimento.

Patrícia Abreu pabreu@negocios.pt 21 de Maio de 2012 às 08:00
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
Os preços do petróleo estão a valorizar nos mercados internacionais pela primeira vez em sete sessões, depois da China se ter comprometido em impulsionar o crescimento e do Goldman Sachs ter adiantado que o balanço entre a oferta e a procura de crude está a apertar.

Em Nova Iorque, o crude avança 0,31%, para 91,76 dólares por barril, enquanto em Londres, o Brent, sobe 0,57% para os 107,75 dólares por barril.

A matéria-prima tem vindo a desvalorizar nas últimas sessões, pressionada pela crise na Europa, com os investidores a temerem que a possível saída da Grécia do euro afecte o ritmo de recuperação da economia mundial.

A impulsionar as cotações está a expectativa de políticas monetárias menos agressivas na China, depois do primeiro-ministro, Wen Jiabao, ter reforçado que o país se vai empenhar mais no crescimento económico.

Também um relatório do Goldman Sachs está a contribuir para o sentimento positivo. A casa de investimento norte-americana realçou, numa nota citada pela agência Bloomberg, que, “apesar das preocupações em torno do abrandamento dos dados económicos, a procura de petróleo continua a melhorar”.
Ver comentários
Saber mais Petróleo
Outras Notícias