Economia Pina Moura mantém preços dos combustíveis (act)

Pina Moura mantém preços dos combustíveis (act)

Os preços dos combustíveis não deverão sofrer alterações, apesar da escalada dos preços do petróleo no mercado internacional, garantiu em conferência de imprensa o Ministro das Finanças Pina Moura.
Bárbara Leite 08 de junho de 2001 às 19:11
Os preços dos combustíveis não deverão sofrer alterações, apesar da escalada dos preços do petróleo no mercado internacional, garantiu em conferência de imprensa o Ministro das Finanças Pina Moura.

O ministro das Finanças afirmou que, nas «circunstâncias actuais, não faz qualquer sentido considerar nenhum ajustamento nos preços dos combustíveis».

Pina Moura explica a intenção de não elevar os preços de combustíveis pelo facto de haver uma «redução persistente das compensações não assumidas às companhias petrolíferas no exercício de 2000».

O Governo mantém uma política de preços fixos, o que obriga a pagar às empresas distribuidoras de gasolina e derivados compensações, cada vez que o petróleo no mercado internacional sobe acima de um determinado valor.

Depois da crise petrolífera verificada na segunda metade do ano passado, o Estado acumulou maiores dívidas às distribuidoras para que não elevassem o preço junto dos consumidores.

Segundo detalhou o ministro das Finanças, «essas compensações assumiram, no exercício de 2001, um valor muito próximo de 224 milhões de euros (45 milhões de contos) e, neste momento já foram reduzidas para 150 milhões de euros (30 milhões de contos)».

As compensações às companhias petrolíferas «continuam a ser reduzidas quinzena para quinzena, embora nas últimas quinzenas a um ritmo mais lento», acrescentou o ministro das Finanças.

O crude em Nova Iorque [CL1] valorizou 10% desde o início de Abril, cotando actualmente nos 28,13 dólares (33,07 euros ou 6.630 escudos) por barril.




Marketing Automation certified by E-GOI