Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Pires de Lima: "Todos nós portugueses temos um bocadinho de Cristiano Ronaldo"

O Ministro da Economia utilizou a distinção de Cristiano Ronaldo como melhor futebolista do mundo para elogiar todos os portugueses, que considera "absolutamente extraordinários".

A carregar o vídeo ...
Filipa Lino flino@negocios.pt 14 de Janeiro de 2014 às 14:22

Questionado pelos jornalistas sobre a possibilidade de o salário mínimo nacional aumentar no próximo ano com a saída da troika o Ministro da Economia respondeu: "espero bem que sim".

 

Pires de Lima referiu que o momento político "não é para euforias" e reafirmou que só ajustando a máquina do Estado é que os impostos podem baixar para as famílias em 2015.

 

“As organizações, nomeadamente o Estado, precisam de ajustar a sua dimensão àquilo que é necessário.  É, aliás, a única forma de podermos alimentar as esperanças de reduzirmos os impostos sobre as pessoas, sobre o trabalho, em 2015”, disse o ministro.

 

Pires de Lima recorreu ao exemplo de Cristiano Ronaldo para elogiar os portugueses na forma como têm lidado com a crise, afirmando que “são absolutamente extraordinários”.

 

“Todos nós portugueses temos um bocadinho do Cristiano Ronaldo dentro de nós”, acrescentou.

 

O ministro da Economia reafirma que “2014 é o ano da recuperação do investimento em Portugal” mas sublinha que “temos que reconhecer que este crescimento ainda não chegou à generalidade das pessoas”, por isso o discurso político deve ser “sensível” e “evitar a euforia porque está completamente dissociada daquilo que é a vida dos portugueses no seu  dia-a-dia”.

 

Pires de Lima destacou o facto de terem surgido 35 mil novas empresas em Portugal ao longo de 2013. Mas deixou um aviso: “Uma empresa que se cria pressupõe um risco”.

 

A competitividade do País tem que estar assente na qualificação e valorização das pessoas, defende. Para o ministro da Economia o modelo de trabalho “sempre adquirido, insensível à sazonalidade do ano, aos ciclos económicos, onde as condições estão completamente garantidas independentemente do momento que as empresas vivem, já não existe. Devo dizer a toda a gente que esse mundo já não existe”, sublinhou.  

Ver comentários
Saber mais Pires de Lima empresas investimento Cristiano Ronaldo
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio