Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

PJ deteve português com ligações ao Daesh e radicado no Reino Unido

O homem é suspeito de ter prestado apoio a combatentes do auto-proclamado Estado Islâmico.

Negócios 17 de Junho de 2019 às 20:01
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A unidade anti-terrorismo da Polícia Judiciária (PJ) apanhou um português com ligações ao auto-proclamado Estado Islâmico. A operação policial teve lugar no Reino Unido, onde o português estava radicado. A operação, em território nacional, foi feita pela Unidade Nacional de Combate ao Terrorismo (UNCT) da PJ, no âmbito da investigação titulada pelo Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP).

A informação foi avançada pela PJ e pela PGR em comunicado conjunto, referindo que "em sede de investigação criminal que versa sobre crimes de terrorismo, nomeadamente no que concerne à participação de cidadãos nacionais nas fileiras do estado islâmico, foi desenvolvida uma ação policial para efetuar a detenção de indivíduo suspeito de ter prestado apoio a combatentes daquela organização terrorista".

"O cidadão ora arguido está radicado no Reino Unido há vários anos, sendo a partir de lá que desenvolveu diversas atividades em prol do estado islâmico, nomeadamente como apoio e facilitador ao movimento de outros nacionais para os territórios do Iraque e do norte da Síria", pode ler-se na nota.

A ação policial ocorreu na madrugada de 16 de junho e foi feita uma busca domiciliária à residência onde o suspeito se encontrava.

Ver comentários
Saber mais Polícia Judiciária Departamento Central de Investigação e Ação Penal Reino Unido PJ UNCT Estado Islâmico DCIAP Unidade Nacional de Combate ao Terrorismo
Mais lidas
Outras Notícias