Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Portugal é o mais pessimista da zona euro sobre efeito económico da crise

O Governo português é o que traça o cenário mais negativo sobre o efeito económico da crise nos esboços orçamentais entregues na semana passada à Comissão Europeia, segundo o Público.

João Leão, ministro das Finanças, comprometeu-se com um défice de 4,3% e uma dívida de 130,9% do PIB, em 2021.
João Cortesão
Negócios 20 de Outubro de 2020 às 08:57
  • Partilhar artigo
  • 1
  • ...

Com uma previsão de um valor do PIB 3,6% abaixo do registado em 2019, o Governo português é o país da Zona Euro com a perspetiva mais pessimista para o efeito económico da crise, segundo o Público. As conclusões têm como base os esboços orçamentais entregues na semana passada à Comissão Europeia pela maioria dos países da Zona Euro.

O mesmo jornal detalha que o segundo país com uma expectativa mais negativa é França  (que estima acabar o próximo ano com um PIB 2,8% mais baixo que o de 2019. E explica que no caso concreto de Portugal, há um forte impacto do setor do turismo e do lazer.

No entanto, apesar deste cenário mais pessimista, a intensidade da pandemia em Portugal tem sido menor do que noutros países, como a Espanha ou a França.

Ver comentários
Saber mais PIB Portugal Governo Zona Euro
Outras Notícias