Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Presidente do Bundesbank sugere que BCE vai rever em alta previsões económicas

Jens Weidmann admite que o Banco Central Europeu reveja em alta as previsões económicas para a Zona Euro quando apresente as projecções económicas, algo que está previsto para dentro de duas semanas.

Bloomberg
Ana Laranjeiro alaranjeiro@negocios.pt 30 de Novembro de 2017 às 09:47

O presidente do Bundesbank admite que o Banco Central Europeu (BCE) reveja as perspectivas para a economia da área do euro na próxima actualização das previsões económicas, marcada para daqui a duas semanas. Esta quarta-feira, 29 de Novembro, Jens Weidmann salientou que "as evidências indicam que as perspectivas económicas vão ser, pelo menos, tão boas como a anterior previsão, senão melhores". "Muitos indicadores de curto prazo são surpreendentemente positivos", acrescentou, citado pela Bloomberg.

Se, de facto, a economia fortalecer o mais provável é que haja uma maior pressão para que a autoridade monetária possa terminar com o programa de compra de obrigações. Actualmente, e de acordo com as últimas indicações do BCE, esse programa tem uma vigência até Setembro do próximo ano.

"O desenvolvimento dos preços domésticos [que constam] das previsões estão em linha com o ritmo da nossa definição de estabilidade", sinalizou o banqueiro alemão. "Mesmo depois do fim das compras líquidas, a política monetária na área do euro vai continuar a ser muito expansionista", acrescentou.

Em Setembro, e de acordo com a Bloomberg, a autoridade monetária do euro estimava que a economia ia avançar 2,2% este ano – o ritmo mais rápido numa década – e 1,8% no próximo ano.

No final de Outubro, e de acordo com os dados do Eurostat, o produto interno bruto da Zona Euro cresceu 0,6% no terceiro trimestre, face aos três meses anteriores. Os economistas antecipavam um crescimento mais ligeiro, de 0,5%, depois de no segundo trimestre o PIB ter crescido 0,7%.

 

Ver comentários
Saber mais Bundesbank BCE previsões de crescimento Jens Weidmann
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio