Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Procura por açúcar vai cair pela primeira vez em 40 anos

O Czarnikow Group antecipa uma descida de 1,2% no consumo global de açúcar, para um total de 169,9 milhões de toneladas.

Açúcar: De tão doce está a amargar com novas dietas saudáveis
Negócios jng@negocios.pt 14 de Junho de 2020 às 18:59
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

A procura global por açúcar vai cair, em 2020, pela primeira vez nas últimas quatro décadas, devido à pandemia da covid-19 que impôs o encerramento de restaurantes, recintos desportivos e cinemas em todo o mundo.

 

A projeção é do Czarnikow Group, que antecipa uma descida de 1,2% no consumo global de açúcar, para um total de 169,9 milhões de toneladas.

 

"Normalmente, o consumo fora de casa é maior do que aquele que se faz em casa", explicou Ben Seed, analista da Czarnikow, citado pela Bloomberg. "Se for ao cinema, provavelmente vai beber um litro de refrigerante, ou mais, enquanto vê o filme. Achamos que as pessoas não bebem um litro inteiro de refrigerante enquanto veem Netflix".

No entanto, a indústria já estava a sentir o impacto da redução do consumo antes da epidemia. O crescimento da procura - em grande parte impulsionado pelos países em desenvolvimento - desacelerou nos últimos anos, com novas taxas sobre as bebidas açucaradas em países como a África do Sul e a Tailândia, e especialistas de saúde a instarem as pessoas a reduzirem o consumo.

Segundo a Bloomberg, só nas três primeiras semanas de abril, as vendas da Coca-Cola deslizaram 25% e a empresa antecipa que o impacto da pandemia no segundo trimestre será significativo.

 

Analistas do governo dos EUA e do Citigroup Inc. também projetam uma quebra da procura este ano.  Já a Organização Internacional do Açúcar diz que a crise acabou com a maior parte do crescimento do consumo estimado para 2020.

Ver comentários
Saber mais açúcar
Mais lidas
Outras Notícias