Política Procura-se mulher para entrar na vida partidária
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

Procura-se mulher para entrar na vida partidária

O Parlamento aprovou no ano passado uma lei que obriga empresas públicas e cotadas a ter conselhos de administração com 33,3% de mulheres entre os seus membros. Mas no dia-a-dia dos partidos, esta regra ainda não é seguida por todos.
Procura-se mulher para entrar na vida partidária
Bruno Simão
Marta Moitinho Oliveira 28 de fevereiro de 2018 às 22:50

Parlamento aprovou em Junho do ano passado regras que impõem quotas de género às empresas públicas e também às cotadas, mas na vida partidária estas ainda não são seguidas por todos. A

)

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 22:00
Saiba mais
pub