Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Proposta do FMI se financiar junto do BCE ganha popularidade

Os líderes europeus podem anunciar já na Cimeira de 9 de Dezembro um "joker" no combate à crise da dívida. Ganha cada vez mais aceitação a ideia de que o FMI pode financiar-se junto do BCE para liderar eventuais novos pacotes de ajuda.

Edgar Caetano edgarcaetano@negocios.pt 18 de Novembro de 2011 às 12:08
  • Assine já 1€/1 mês
  • 6
  • ...
A Alemanha e o BCE continuam a opôr-se à possibilidade de ter o banco central a financiar os Estados directamente (algo que está proibido pelos Tratados Europeus). Mas ganha adeptos a hipótese de ser o FMI a financiar-se junto do BCE e protagonizar eventuais novos resgates a países da Zona Euro.

A ideia não é nova, mas está a ganhar popularidade e fontes citadas pela agência Dow Jones dizem que “a Alemanha e o BCE continuam a opor-se à ideia, mas na ausência de alternativas, as negociações podem começar em breve”.

A mesma fonte disse à agência que “há um sentido de urgência porque é preciso que algo esteja preparado para o caso de Itália precisar de assistência financeira”.

Face à intransigência da Alemanha de ter o BCE a financiar directamente os países em dificuldades (através do Fundo Europeu de Estabilização Financeira), a solução está a ganhar aceitação porque o FMI serve de intermediário e pode, em teoria, ter acesso a fundos ilimitados no BCE para prestar assistência aos países que necessitem.

As fontes contactadas pela agência dizem que se forem reunidos os consensos necessários em torno da proposta, esta poderá ser anunciada já na Cimeira Europeia de 9 de Dezembro.
Ver comentários
Saber mais FMI BCE financiamento Europa
Outras Notícias