Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

PS com 38,8% das intenções de voto bate PSD com 29,1%

O Partido Socialista será vencedor da eleições legislativas de Domingo, sem maoiria absoluta mas mai distante do PSD do que na última previsão, indica a sondagem da Aximage para o Negócios e "Correio da Manhã". Veja aqui todos os detalhes.

Negócios negocios@negocios.pt 24 de Setembro de 2009 às 18:31
  • Assine já 1€/1 mês
  • 44
  • ...
A projecção atribui 38,8% ao PS (intervalo entre 35% e 43%), distanciando-se do PSD, que recebe 29,1% das intenções de voto.

O Bloco de Esquerda é a terceira força, com 10%, à frente de CDS (8,6%) e da CDU (8,4%).

Projecção %Intervalo
PS38,835 - 43
PSD29,125 - 33
BE10,08 – 13
CDS8,66 - 11
CDU8,46 - 11
OBN5,13 - 7

Esta projecção resulta da distribuição de indecisos da sondagem da Aximage. Sem essa distribuição de indecisos, a sondagem tem as seguintes previsões:

Inscritos100,0
Abstenção36,3
VOTANTES100,0
PS36,6
PSD27,5
BE9,2
CDS8,1
CDU8,0
OBN4,8
Indecisos5,8

A distribuição dos indecisos resulta da aplicação de um modelo probabilístico que permite, a partir de perguntas apropriadas, atribuir a cada conjunto de indivíduos uma probabilidade de comportamento eleitoral alternativo à sua indefinição.

No caso presente foi igualmente incluído no modelo o resultado da reinquirição dos indecisos dos dois primeiros dias da sondagem (método de Hansen).




FICHA TÉCNICA

Universo: indivíduos inscritos nos cadernos eleitorais em Portugal com telefone fixo no lar ou possuidor de telemóvel.

Amostra: aleatória e estratificada (região, habitat, sexo, idade, escolaridade, actividade e voto legislativo) e representativa do universo e foi extraída de um sub-universo obtido de forma idêntica. A amostra teve 850 entrevistas efectivas: 382 a homens e 468 a mulheres; 204 no interior, 321 no litoral norte e 325 no litoral centro sul; 280 em aldeias, 272 em vilas e 298 em cidades. A proporcionalidade pelas variáveis de estratificação é obtida após reequilibragem amostral.

Técnica: Entrevista telefónica por C.A.T.I., tendo o trabalho de campo decorrido nos dias 21 a 24 de Setembro de 2009, com uma taxa de resposta de 78,2%.

Erro probabilístico: Para o total de uma amostra aleatória simples com 850 entrevistas, o desvio padrão máximo de uma proporção é 0,017 (ou seja, uma “margem de erro” - a 95% - de 3,36%).

Responsabilidade do estudo: Aximage Comunicação e Imagem Lda., sob a direcção técnica de Jorge de Sá e de João Queiroz.
Ver comentários
Outras Notícias