A carregar o vídeo ...
Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Recessão da economia dos EUA poderá prolongar-se até 2010

Ben Bernanke, presidente da Reserva Federal (Fed) dos EUA, afirmou, hoje, que a economia do país, a maior do mundo, está a atravessar uma "contracção severa" e alertou que a recessão poderá prolongar-se para 2010, a menos que sejam tomadas medidas que possam estabilizar o sistema financeiro.

Paulo Moutinho 24 de Fevereiro de 2009 às 15:19
  • Assine já 1€/1 mês
  • 3
  • ...
Ben Bernanke, presidente da Reserva Federal (Fed) dos EUA, afirmou, hoje, que a economia do país, a maior do mundo, está a atravessar uma “contracção severa” e alertou que a recessão poderá prolongar-se para 2010, a menos que sejam tomadas medidas que possam estabilizar o sistema financeiro.

“Se as medidas tomadas pela Administração [de Barack Obama], o Congresso, e a Fed tiverem sucesso na restauração da estabilidade do sistema financeiro – e apenas nesse caso, na minha opinião – é razoável perspectivar o fim da recessão em 2009 e a recuperação em 2010”, afirmou Bernanke.

No discurso proferido perante o Comité de Assuntos Financeiros, do Senado, o responsável pela Fed acrescentou que os “riscos negativos [para a economia dos EUA] superam os positivos”. Bernanke sublinhou que as previsões da Fed estavam ensombradas “por incertezas consideráveis”.

Bernanke foi extremamente pessimista no seu discurso, como nunca o tinha sido nos três anos que preside à Fed, segundo a Bloomberg. Lembrou que a Fed tem tentado aliviar o impacto da crise na economia ao ceder biliões de dólares em crédito e ao colocar a taxa directora em zero.

Ver comentários
Mais lidas
Outras Notícias