Europa Rússia considera "passo perigoso" retirada dos EUA do acordo de armas nucleares

Rússia considera "passo perigoso" retirada dos EUA do acordo de armas nucleares

Vice-ministro do Negócios Estrangeiros da Rússia critica decisão dos Estados Unidos de se retirar do acordo sobre armas nucleares. Opção norte-americana foi anunciada por Donald Trump.
Rússia considera "passo perigoso" retirada dos EUA do acordo de armas nucleares
Reuters
Lusa 21 de outubro de 2018 às 15:05

O vice-ministro dos Negócios Estrangeiros da Rússia classificou este domingo, 21 de Outubro, como "um passo perigoso" a retirada dos EUA do tratado sobre armas nucleares, anunciada no sábado pelo Presidente norte-americano, que acusou Moscovo de violar o acordo "há vários anos".

 

Serguei Riabkov afirmou à agência do Estado russo TASS que o acordo assinado durante a Guerra Fria é "significativo para a segurança internacional e a segurança nuclear, para a manutenção da estabilidade estratégica".

 

A retirada dos Estados Unidos do tratado, anunciada no sábado pelo Presidente Donald Trump, "será um passo muito perigoso que não será cumprido pela comunidade internacional e vai mesmo suscitar condenações sérias".

 

O vice-ministro condenou o que chamou de tentativas norte-americanas de obter concessões "com um método de chantagem".

 

Se os Estados Unidos continuam a agir "de maneira maldosa e grosseira" e se retiram unilateralmente de tratados internacionais, a Rússia "não terá outra alternativa senão "tomar medidas de retaliação, inclusive em relação à tecnologia militar".

 

"Mas não queremos chegar a esse ponto", frisou Riabkov.

 

Os Estados Unidos acusaram Moscovo de violar o acordo "há muitos anos".

 

"A Rússia não respeitou o tratado. Então, vamos pôr fim ao acordo e desenvolver as armas", afirmou Donald Trump, citado pela Agência France-Presse, depois de um comício em Elko, no estado do Nevada.

 

Trump referia-se ao tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermédio (INF, sigla em inglês), assinado em 1987 pelos então presidentes norte-americano e soviético, Ronald Reagan e Mikhaïl Gorbachev, respectivamente.




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI