Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Sandy empurra vendas nos Estados Unidos para quebra em Outubro

Foi a primeira descida das vendas a retalho em quatro meses. A queda foi superior à estimada.

Diogo Cavaleiro diogocavaleiro@negocios.pt 14 de Novembro de 2012 às 15:15
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
As vendas a retalho nos Estados Unidos da América caíram em Outubro devido aos efeitos do furacão Sandy.

O indicador que analisa as vendas de retalho avançadas desceu 0,3% em Outubro, de acordo com o Departamento do Comércio, ficando acima da descida de 0,2% esperada pelos economistas consultados pela agência Bloomberg.

Foi a primeira descida em quatro meses, sendo que, em Setembro, as vendas a retalho tinham subido 1,3%.

O indicador das vendas a retalho será o primeiro a assinalar o impacto da tempestade na economia norte-americana, já que o impacto global só deverá ser conhecido no próixmo mês. Como conta a agência Reuters, os analistas esperam danos na ordem dos 50 mil milhões de dólares (39,4 mil milhões de euros), antecipando, igualmente, um recuo de meio ponto percentual no produto interno bruto (PIB) do quarto trimestre.

As vendas de veículos a motor deslizou 1,5%, a maior queda desde Agosto do ano passado. As fabricantes automóveis explicam a queda nas vendas com a tempestade, segundo a Reuters.

Já excluindo os automóveis, as vendas a retalho permaneceram inalteradas, após o ganho de 1,2% em Setembro.

De acordo com os dados do Departamento do Comércio, citados pela Reuters, as vendas nas lojas de roupa desceram 0,1% em Outubro, com a tempestade a ter um impacto nestes estabelecimentos.

A transacção de vendas de material de construção caiu 1,9% no mês passado, depois da subida de 2,1% em Setembro. As expectativas apontavam para que a antecipação à tempestade Sandy impulsionasse estas vendas.

Ver comentários
Saber mais vendas a retalho EUA Estados Unidos Departamento do Comércio Sandy
Outras Notícias