Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Seguro: Proposta da TSU "é inaceitável e inadmissível"

O secretário-geral do PS, António José Seguro, afirmou hoje, no Porto, que a proposta de alteração da Taxa Social Única (TSU) do primeiro-ministro "é inaceitável e inadmissível" porque "quebra a matriz civilizacional e um consenso social".

Lusa 18 de Setembro de 2012 às 15:58
  • Partilhar artigo
  • 19
  • ...
Em declarações aos jornalistas, no final de um encontro com o provedor da Santa Casa da Misericórdia do Porto, o líder do PS reiterou que se Pedro Passos Coelho não recuar em relação à TSU o partido apresentará uma moção de censura.

"Mas a opção é do primeiro-ministro, se recuar e não aplicar essa medida, então a moção de censura não tem sentido", reiterou.

Em relação ao voto contra do PS à proposta de Orçamento do Estado para 2013, Seguro reafirmou não aceitar "a mesma receita" aplicada em 2012.

"Se aplicou uma receita em 2012 que nos faz empobrecer, que aumenta o desemprego, que quebra a nossa economia, que aumenta a nossa dívida pública e nem sequer consegue atingir o défice, porque é que ele insiste? Portanto, o que é necessário é um outro orçamento e mudar de caminho", sustentou.

Em entrevista à RTP, na segunda-feira, o secretário-geral do PS tinha já afirmado que se Pedro Passos Coelho "persistir em aplicar uma proposta que transfere rendimentos dos trabalhadores para as entidades patronais, o PS apresentará uma moção de censura".

Interrogado se o PS votará contra a proposta do Governo do Orçamento do Estado para 2013 mesmo que haja um recuso nas alterações à TSU, Seguro respondeu: "São duas coisas completamente diferentes".

"Uma coisa é a proposta de TSU, que é inaceitável e imoral, outra coisa é insistir na mesma receita [orçamental]", defendeu, deixando depois a seguinte questão: "Se a receita do Governo aplicada em 2012 aumenta o desemprego, baixa a economia, aumenta a dívida pública e nem sequer consegue concretizar o défice de 4,5%, porque é que o Governo insiste nela?".



Ver comentários
Saber mais Seguro TSU inaceitável
Outras Notícias