Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Sondagens: Coligação Portugal à Frente volta a distanciar-se do PS

As sondagens publicadas esta sexta-feira no Correio da Manhã, Público, TSF e TVI são unânimes: a coligação Portugal à Frente aumentou a distância para o Partido Socialista.

Correio da Manhã
Negócios 25 de Setembro de 2015 às 11:05
  • Assine já 1€/1 mês
  • 142
  • ...

As sondagens divulgadas esta sexta-feira, 25 de Setembro, por vários meios de comunicação social mostram que a coligação PSD/CDS aumentou a distância para o Partido Socialista. O estudo realizado pela Aximage refere mesmo que o partido liderado por António Costa regista, nesta altura, o "pior resultado global" desde a primeira sondagem de 18 de Setembro. 

O primeiro estudo da Aximage para o Correio da Manhã mostrava que a intenção de voto no Partido Socialista era de 35,1%. O partido registou, desde aí, uma tendência de descida, que, esta sexta-feira, atingiu os 33,4%. Em sentido contrário seguiu a coligação Portugal à Frente que passou de uma intenção de voto de 35,5% a 19 de Setembro para 37% esta sexta-feira. A distância entre as duas forças políticas aumentou, assim, para 3,6 pontos percentuais.

A sondagem da Intercampus para o Público, TVI e TSF conclui, por seu lado, que a distância entre a coligação PSD/CDS e o PS é de cinco pontos percentuais. Neste caso, a coligação obtém 37,9% das intenções de voto e o PS 32,9% mas, ao contrário do estudo da Aximage, este refere que as duas forças políticas perderam terreno. Também aqui o PS obtém o pior resultado desde o início destes estudos.     

No estudo da Intercampus, apenas o Bloco de Esquerda vê as intenções de voto aumentarem: uma subida de 1,2 pontos percentuais para 6%. Já a CDU desceu para 7,8%. A sondagem da Aximage mostra que as intenções de voto no Bloco de Esquerda aumentaram para 6,5% e na CDU desceram para 7,6%. 

Ver comentários
Outras Notícias