Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Start-ups tendem a secundarizar questões legais

Diz o ditado popular que mais vale prevenir do que remediar, mas quando estão em causa questões jurídico-legais os promotores de start-ups tendem a esquecer esta regra. O alerta parte dos advogados que trabalham nesta área.

Bloomberg
João Maltez jmaltez@negocios.pt 10 de Novembro de 2016 às 11:05
  • Partilhar artigo
  • ...
As questões jurídico-legais tendem a ser secundarizadas pelos promotores de novas ideias de negócio. Resultado: a prevenção dos problemas que os empreendedores possam enfrentar neste âmbito acaba por ser descurada.

"Os promotores de start-up são, por regra, pessoas com grande espírito empreendedor e com excelente conhecimento especializado nas suas áreas de formação, mas com pouca ou nenhuma sensibilidade quanto ...
Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais Serviços jurídicos start-ups advogados empreendedores
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias