Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Strauss-Kahn vai apresentar queixa contra jornalista francesa

Dominique Strauss-Kahn, ameaçado por uma queixa por tentativa de violação de uma jornalista francesa, encarregou advogados franceses de apresentarem uma acção na justiça por calúnia, anunciaram hoje em comunicado.

Lusa 04 de Julho de 2011 às 17:29
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
Strauss-Kahn tomou conhecimento da intenção de Tristane Banon de apresentar queixa por factos imaginários, diz o comunicado dos advogados Henri Leclerc e associado, Frédérique Baulieu.

Leclerc e Baulieu foram encarregados de redigir uma queixa por denúncia caluniosa contra Banon¯, adianta o documento.

A jornalista e escritora francesa Tristane Banon, que afirma ter sido vítima de agressão sexual por Dominique Strauss-Kahn em 2002, vai apresentar queixa por tentativa de violação do antigo diretor do FMI, anunciou hoje o advogado.

A justiça norte-americana decidiu na sexta-feira libertar Strauss-Kahn sem fiança. O antigo director do Fundo Monetário Internacional não pode, no entanto, sair dos Estados Unidos.

O procurador norte-americano afirmou ter dúvidas sobre as acusações de agressão sexual contra Strauss-Kahn por uma empregada de um grande hotel de Manhattan.

Em Fevereiro de 2007, Tristane Banon, atualmente com 31 anos, afirmou à televisão ter sido sexualmente agredida cinco anos antes por Strauss-Kahn. Na transmissão da entrevista, o nome do agressor não era perceptível.

Em França, o período para a prescrição do crime de tentativa de violação é de 10 anos.

Ver comentários
Outras Notícias