Mundo Taxa de emprego na OCDE fecha 2017 em máximo histórico

Taxa de emprego na OCDE fecha 2017 em máximo histórico

A taxa de emprego nos países da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) atingiu um máximo histórico de 68% no quarto trimestre de 2017.
Taxa de emprego na OCDE fecha 2017 em máximo histórico
Bloomberg
Pedro Curvelo 16 de abril de 2018 às 12:58

No final do ano passado, a OCDE registava 563,14 milhões de pessoas com emprego, mais 1,84 milhões do que no trimestre anterior. A taxa de emprego subiu duas décimas.

Entre os países da OCDE, as maiores taxas de emprego no quarto trimestre pertenciam à Islândia (85,8%), Suíça (80%) e Nova Zelândia (77,4%). No extremo oposto encontravam-se a Turquia (52,3%) e a Grécia (53,8%). Em Portugal a taxa de emprego cifrava-se em 60,9%.

Na Zona Euro, a taxa de emprego avançou três décimas face ao trimestre anterior, para os 66,8%.

Nos EUA, este indicador subiu uma décima, para 70,3%, enquanto no Japão aumentou três décimas, para 75,7%.




pub