Américas Ted Cruz recusa apoiar Trump

Ted Cruz recusa apoiar Trump

"Se amam o vosso país e amam os vossos filhos tanto como eu os amo, levantem-se e falem e votem segundo a vossa consciência", disse, num longo discurso na terceira noite da convenção.
Ted Cruz recusa apoiar Trump
Reuters
Lusa 21 de julho de 2016 às 07:55

O senador norte-americano Ted Cruz, rival de Donald Trump nas primárias do Partido Republicano, felicitou o magnata na quarta-feira pela sua nomeação como candidato à Casa Branca, mas sem lhe oferecer um apoio claro e directo.

 

Numa intervenção perante a Convenção Nacional Republicana de Cleveland (no estado do Ohio), Ted Cruz felicitou Donald Trump por ter conseguido a nomeação na terça-feira, mas ao mesmo tempo pediu aos votantes para pensarem no futuro do partido.

 

"Se amam o vosso país e amam os vossos filhos tanto como eu os amo, levantem-se e falem e votem segundo a vossa consciência", disse, num longo discurso na terceira noite da convenção.

 

"Votem nos candidatos em que confiam para defender as vossas liberdades e respeitar a Constituição", acrescentou.

Entretanto, num comentário publicado no Twitter, Donald Trump disse que o senador Ted Cruz faltou ao juramento de lealdade ao partido por não ter dado um apoio expresso à sua candidatura.

 

"Uau, Ted Cruz foi vaiado no palco, não honrou o compromisso! Eu vi o seu discurso duas horas antes, mas deixei-o falar na mesma. Nada de especial!", escreveu o magnata na sua conta de Twitter.


O milionário Donald Trump foi na terça-feira nomeado oficialmente candidato do Partido Republicano às eleições presidenciais de 8 de Novembro nos Estados Unidos.

 

De acordo com os resultados das primárias, o empresário, de 70 anos de idade, recebeu o número suficiente de votos, 1.237, para ser considerado o candidato oficial do partido.

 

Donald Trump deve aceitar oficialmente a sua nomeação hoje, no discurso na sessão de encerramento da convenção republicana.

 

Mike Pence aceita ser candidato a 'vice' de Trump

 

O governador do estado norte-americano do Indiana, Mike Pence, aceitou hoje, num discurso em Cleveland, a nomeação como aspirante à vice-presidência dos Estados Unidos como companheiro do magnata Donald Trump, candidato do Partido Republicano à Casa Branca.

 

Descrito pela agência de notícias AFP como um homem relativamente desconhecido, o conservador Mike Pence foi escolhido por Donald Trump na semana passada para candidato à vice-presidência nas eleições de 8 de novembro.

 

Os delegados na convenção republicana em Cleveland aprovaram na terça-feira a nomeação de Donald Trump como candidato a Presidente dos EUA, por aclamação, em conformidade com a tradição.

 
Donald Trump anunciou na semana passada na rede social Twitter ter escolhido Mike Pence como candidato à vice-presidência. 

 

Mike Pence, 57 anos, é uma escolha que deverá agradar à ala conservadora do Partido Republicano. Intransigente sobre questões como o aborto e o casamento homossexual, cumpriu mandatos de 12 anos no Congresso e desde 2013 é governador do Estado do Indiana.

 




pub

Marketing Automation certified by E-GOI