Mundo Theresa May acusa Rússia de envenenar espião

Theresa May acusa Rússia de envenenar espião

Líder do governo britânico diz que envolvimento russo no caso é "altamente provável".
Theresa May acusa Rússia de envenenar espião
EPA
Negócios 12 de março de 2018 às 17:30
A primeira-ministra britânica Theresa May declarou, esta segunda-feira, que o envolvimento da Rússia no envenenamento de um espião é "altamente provável". 

No Parlamento, May confirmou que o antigo espião Skripal e a filha foram envenenados com um agente nervoso usado a nível militar e acusa Moscovo de ter sido responsável pelo crime ou de ter, pelo menos, permitido que a substância caísse nas mãos erradas. 

Para a líder britânica, a tentativa de homicídio do passado dia 4 de março foi um ataque contra o Reino Unido, pelo que fez um ultimato à Rússia, que terá até esta terça-feira para responder oficialmente ao caso, refere o Correio da Manhã. 

O ministro dos Negócios Estrangeiros do Reino Unido, Boris Johnson, ameaçou o Kremlin, assegurando que, se se provar que a Rússia está envolvida no caso, a Inglaterra cancela a sua participação no Mundial de Futebol. 

Sergei Skripal, ex-espião, foi considerado um traidor e condenado por passar segredos da Rússia à Inglaterra.

No dia 4 de março, Sergei Skripal, de 66 anos, e a filha, com cerca de 30, foram encontrados inconscientes em Salisbury, no Reino Unido. 





A sua opinião3
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
comentar
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentários mais recentes
ccc 12.03.2018

Esta senhora é do mais básico que existe. Como chegou a PM? Ainda falam do Trump..

Anónimo 12.03.2018

Esta cegueira estratégica pode custar a vida a muitos europeus.Porquê a Russia e não ação terrorista incriminatória.Estao sem capacidade de investigação acertiva,Relembre-se caso MAddie onde está a menina.Investigaçao zero resultados.

Anónimo 12.03.2018

Esperava que declarasse guerra á Russia.Refugiar-se no futebol tem um significado atá agora não explicito.,as arenas romanas atuais servem pra combate final.Sem provas e culpas alegadamente visíveis indiretas na morte do espião dispara para a Russia, diria falsamente elementar caro watts.

pub