Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Trabalhadores dos impostos mantêm greve marcada para sexta-feira

O Sindicato dos Trabalhadores dos Impostos (STI) vai manter a greve que tinha marcada para sexta-feira como forma de mostrar o descontentamento pela ausência de uma nova proposta de revisão das carreiras.

Bruno Simão/Negócios
Lusa 26 de Março de 2019 às 21:02
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

"Nada havendo de novo, sem vínculo, sem regras de progressão claras para uma carreira a 40 anos, sem regras claras de transição para as novas carreiras, sem órgão de polícia criminal e sem uma série de outras questões centrais para o avanço do processo, mais uma vez os trabalhadores têm uma clara oportunidade de mostrar ao Governo o seu descontentamento", refere o STI num comunicado hoje publicado.

 

A forma de mostrar o descontentamento é "fazendo greve" na sexta-feira, sendo esta uma oportunidade para os trabalhadores dizerem que querem "mais e melhor" para as suas carreiras.

 

Inicialmente, o STI tinha marcado greves para o dia 28 de fevereiro e 29 de março (sexta-feira), mas acabaria por desmarcar a primeira, pelo facto de o secretário de Estado dos Assuntos Fiscais ter feito chegar aos sindicatos uma primeira proposta de revisão das carreiras.

 

Perante a ausência de um novo texto, que dê seguimento às negociações, os trabalhadores dos impostos decidiram manter a paralisação de sexta-feira.

Ver comentários
Saber mais Governo STI secretário de Estado dos Assuntos Fiscais
Mais lidas
Outras Notícias