Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

UE decide por "unanimidade" alargar por seis meses sanções à Rússia

Apesar de declarações que davam conta de alguma discrepância entre Bruxelas e o novo Governo grego quanto ao alargamento do prazo e eventual aplicação de novas sanções à Rússia, os ministros dos Negócios Estrangeiros da União acordaram, "por unanimidade", estender até Setembro medidas como o congelamento de bens e a revogação de vistos de circulação a cidadãos russos.

Reuters
David Santiago dsantiago@negocios.pt 29 de Janeiro de 2015 às 19:40
  • Partilhar artigo
  • 8
  • ...

Afinal o novo ministro dos Negócios Estrangeiros grego, Nikos Kotzias (na foto à direita), não colocou em causa uma posição conjunta da União Europeia (UE) face à Rússia. Bruxelas acabou mesmo por decidir, "por unanimidade" o prolongamento até Setembro das sanções aplicadas à Rússia e ainda acrescentar um conjunto de nomes de indivíduos e entidades à lista de alvos sobre quem já pendem as referidas penalizações económicas.

 

Esta informação foi avançada pela própria Federica Mogherini, após a conclusão do encontro desta quinta-feira, marcado de emergência no passado domingo no seguimento de novos ataques em larga escala realizados na cidade portuária de Mariupol, na região do Donbass no leste da Ucrânia.  

 

 

Ver comentários
Saber mais UE Rússia Federica Mogherini Nikos Kotzias Ucrânia Sanções
Outras Notícias