Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Vídeo: Ulrich defende liberalização do despedimento individual

O presidente do BPI defendeu hoje que “é preciso liberalizar completamente o despedimento individual” em Portugal

  • Assine já 1€/1 mês
  • 29
  • ...
Fernando Ulrich defendeu a liberalização do despedimento individual, dizendo que no BPI esta medida podia "apanhar" 10 ou 20 pessoas. O presidente do BPI, no Hora H do Negócios, diz que esta liberalização podia melhorar as empresas, na medida em que podia ser a forma de retirar das companhias as más companhias.

“É preciso liberalizar completamente o despedimento individual. É absolutamente indispensável”, disse o presidente do BPI, defendendo esta medida, “apenas para quem entra agora para o mercado de trabalho”

“Ao longo dos 40 anos de carreira, conclui que isso é o mais importante”, disse o presidente do BPI, defendendo que a liberalização do despedimento individual, “seria menos violenta do que a que foi feita na reforma da segurança social”. "Só foi possível porque foi votada pelas gerações mais velhas, quem vai sofrer não está com idade de perceber a coisa", explicou.

“o despedimento colectivo já é muito fácil. O que é impossível é uma empresa que está bem e que quer ficar melhor, despedir uma pessoa. Quando há más rezes, não posso resolver o problema com um despedimento colectivo”, adiantou.

Sobre as pressões de Bruxelas para Portugal reforçar o mercado de trabalho, Ulrich afirmou que “a sensação com que eu fico é que a Comissão Europeia e essas entidades não têm conhecimento do que se passa na legislação laboral portuguesa”.

.
Ver comentários
Mais lidas
Outras Notícias