Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Desemprego subiu em janeiro em 80% dos concelhos. Veja no mapa o que aconteceu no seu

Veja no mapa como evoluiu o desemprego em todos os concelhos do país na comparação de janeiro deste ano com o mês anterior e o mês homólogo. Odivelas destaca-se pela negativa como o único concelho do país onde o número de desempregados inscritos nos centros de emprego mais do que duplicou no espaço de um ano.

  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O arranque do ano foi negativo para o mercado de trabalho em Portugal, com o desemprego a agravar-se para máximos de maio de 2017 no total do país.

 

A deterioração verificou-se na grande parte dos concelhos, com 229 municípios a chegarem ao final de janeiro com  um número de desempregados inscritos nos centros de emprego mais elevado do que em dezembro de 2020.

 

Este universo representa mais de 80% do total dos 278 concelhos de Portugal Continental (o IEFP não revela dados por concelho nas ilhas), mostrando que a tendência negativa no emprego foi quase generalizada.

 

Em 38 concelhos o agravamento mensal foi mesmo superior a 10%, sendo que em cinco a subida superou mesmo os 20%. É o caso de Vila de Rei, Miranda do Douro, Almodôvar, Chamusca e Bragança, destacando-se este último município por ser a única capital de distrito neste lote.

 

Pela positiva, 49 concelhos viram o desemprego baixar no primeiro mês do ano, destacando-se Vendas Novas, Batalha e Vila Flor com reduções acima de 10% face a dezembro de 2020.

 

Na comparação homóloga, entre janeiro deste ano e janeiro do ano passado (quando a pandemia não tinha ainda chegado ao país), as variações são bem mais negativas.

 

O desemprego subiu em 241 municípios no espaço de um ano (87%), sendo que em metade (140), o agravamento foi superior a 20%. Em 34 concelhos a subida superou os 50%, sendo que neste lote estão muitos municípios algarvios, que é a região do país mais castigada com a quase paralisação do turismo.

 

Odivelas destaca-se pela negativa como o único concelho do país onde o número de desempregados inscritos nos centros de emprego mais do que duplicou no espaço de um ano. Passou de menos de 3.000 em janeiro de 2020 para mais de 6 mil no mês passado.

Ver comentários
Saber mais Desemprego mapa
Outras Notícias