Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Ferreira de Oliveira prefere aumento da produtividade a cortes salariais

Ferreira de Oliveira lembrou que muitos trabalhadores mudam de comportamento quando passam a efectivos nas empresas e "essa é a doença que nós temos no mercado de trabalho".

  • Assine já 1€/1 mês
  • 6
  • ...
O presidente executivo da Galp Energia, Manuel Ferreira de Oliveira, considera que mais importante do que mudar a lei para permitir o corte de salários no sector privado é criar condições para o aumento da produtividade dos trabalhadores, apontando para a flexibilização dos contratos de trabalho.


Na Hora H, do Negócios, o gestor foi questionado sobre a recomendação feita pela troika para que o sector privado possa cortar salários. “Preferia que me criassem condições para aumentar a produtividade do trabalho”, afirmou Manuel Ferreira de Oliveira.


O presidente da Galp referiu que muitas vezes um trabalhador ao passar de contratado a prazo para quadro da empresa “muda o comportamento”. Na opinião de Manuel Ferreira de Oliveira, “essa é a doença que nós temos no mercado de trabalho”.


Ainda assim, o presidente da Galp garante que no grupo a gestão procura cortar os custos do trabalho “todos os dias”. “Temos de ser permanentemente rigorosos nos custos”, notou o gestor.

Ver comentários
Saber mais HORA H Ferreira de Oliveira Galp Energia
Outras Notícias