Emprego Menos de 500 emigrantes candidataram-se a apoio financeiro do programa Regressar

Menos de 500 emigrantes candidataram-se a apoio financeiro do programa Regressar

O apoio financeiro faz parte do Programa Regressar e pode chegar a 6.536 euros e abranger as despesas relacionadas com o regresso dos emigrantes. A Ministra do Trabalho diz que é "importante continuar a divulgar" este programa.
Menos de 500 emigrantes candidataram-se a apoio financeiro do programa Regressar
Carlos Barria/Reuters
Susana Paula 19 de novembro de 2019 às 12:14
Menos de 500 emigrantes portugueses candidataram-se ao apoio financeiro do Programa Regressar até outubro, segundo dados divulgados pelo Ministério do Trabalho esta terça-feira, 19 de novembro. 

O apoio ao regresso de emigrantes a Portugal faz parte do Programa Regressar e atribui um apoio financeiro que pode chegar a 6.536 euros e que também abrange as despesas inerentes ao regresso a Portugal do candidato e dos seus familiares (viagens, transporte de bens e custos com o reconhecimento de qualificações em Portugal).

Segundo os dados do Ministério do Trabalho, as candidaturas abrangem um total de 1.025 pessoas, incluindo, além dos 481 candidatos, 544 elementos dos respetivos agregados familiares.

Quase metade (45%) das candidaturas foram apresentadas por pessoas com o Ensino Superior e cerca de 83% dos candidatos têm entre 25 e 44 anos. Reino Unido, França e Suíça são os países onde a maior parte dos candidatos ao apoio financeiro estão emigrados. 

Ao mesmo tempo, inscreveram-se para procura de emprego na plataforma do Instituto do Emprego e Formação Profissional com o motivo "regresso a Portugal" cerca de 2.900 pessoas. E, desde que foi lançado o apoio financeiro, em julho, foram recebidos 3.850 pedidos de informação.

Além deste apoio financeiro, o Programa Regressar tem uma componente fiscal relevante, ao isentar de tributação 50% dos rendimentos do trabalho por um período de cinco anos aos emigrantes que regressem a Portugal.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI