Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Berlusconi comparece em tribunal pela primeira vez desde 2003

O primeiro ministro italiano enfrenta hoje o seu primeiro julgamento desde 2003. Sílvio Berlusconi comparece hoje no Tribunal de Milão onde irá enfrentar a responsabilidade dos seus casos de corrupção.

  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
O primeiro ministro italiano, réu em quatro julgamentos, já não comparecia em tribunal há mais de sete anos. Porém, declarou que iria comparecer ao julgamento de hoje e que esperava que lá estivesse a maior audiência possível para que pudesse provar a sua inocência na frente de todos. O julgamento de hoje será feito à porta fechada.

Berlusconi nega as acusações relativas a ter aumentado o preço pago para comprar direitos televisivos e depois abolir a diferença de preços entre as actividades políticas e as outras actividades. Ao seu lado são acusados o seu filho e muitos outros. “Nenhum dos factos sobre o qual os juízes de Milão construíram o caso é verdadeiro”, disse Berlusconi ao Canale 5 TV, de acordo com a BBC News.

O primeiro ministro de 74 anos é réu em cerca de 50 julgamentos na sua carreira, mas exerceu o seu direito de não comparecer, acusando a justiça de ser politicamente tendenciosa contra ele.

Dezenas de apoiantes permaneceram fora do tribunal, a segurar cartazes e bandeiras de apoio. Berlusconi acenou aos repórteres um pouco depois de ter dito à televisão italiana que este caso contra ele era “ridículo”.

Será pouco provável que Berlusconi faça qualquer declaração durante a audiência. O ministro considera que o processo legal contra ele é uma tentativa de esquerda de “eliminar o principal obstáculo” à sua tomada de poder.

Além deste caso em tribunal, Berlusconi enfrenta também outros dois julgamentos por corrupção e um quarto em que é acusado do pagamento pela prestação de serviços de uma prostituta menor de idade. Neste caso, o ministro enfrenta uma pena de 15 anos de prisão.

Apesar destes escândalos de sexo e corrupção terem diminuído a popularidade de Berlusconi, não existe nenhuma ameaça imediata à sua posição de primeiro ministro.

Ver comentários
Saber mais Itália Berlusconi julgamento tribunal Milão
Mais lidas
Outras Notícias