Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Chipre vai vender ouro para ajudar a financiar o resgate

O governo cipriota pretende vender parte das reservas de ouro para angariar 400 milhões de euros e financiar parte do resgate financeiro a que vai ser sujeito.

Guenter Schiffmann/Bloomberg
Negócios 10 de Abril de 2013 às 18:22

O país que aceitou uma taxa sobre os depósitos superiores a 100 mil euros vai vender as reservas de ouro que detém em excesso para angariar 400 milhões de euros que vão ser usados para resgatar o país, que estava à beira da bancarrota.

 

A notícia é avançada pela Reuters, que cita um documento da Comissão Europeia e que dá conta de que os fundos serão usados no pacote de financiamento que visa evitar que o país entre em incumprimento.

 

O governo vai conseguir outros 600 milhões de euros, em três anos, através do aumento do imposto sobre os rendimentos das empresas e vai impor uma perde sobre os depósitos cujo saldo seja superior à garantia de 100 mil euros. Esta perda pode chegar aos 60%.

 

O Chipre vai ter de encontrar 13 mil milhões de euros para fazer face às próprias necessidades de financiamento entre o segundo trimestre de 2013 e o primeiro de 2016. Os parceiros internacionais vão fornecer 10 mil milhões de euros do empréstimo, com o Fundo Monetário Internacional a emprestar mil milhões e os parceiros da Zona Euro a providenciarem o remanescente. 

Ver comentários
Saber mais chipre ouro
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio