Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Comissão Europeia contraria Alemanha e quer dar mais poderes ao BCE

A Comissão Europeia defendeu hoje a necessidade de o Banco Central Europeu (BCE) ter a "última palavra" na supervisão de todas as entidades financeiras da zona euro, uma opinião que vai contra a opinião da Alemanha.

Negócios negocios@negocios.pt 03 de Setembro de 2012 às 17:19
  • Assine já 1€/1 mês
  • 5
  • ...
"Apostamos numa proposta ambiciosa (...) e portanto acreditamos que o BCE deve ter um papel central na supervisão de todos os bancos da zona euro", afirmou o porta-voz comunitário Stefaan De Rynck, quando questionado sobre os últimos comentários do ministro das Finanças alemão, Wolfgang Schäuble.

A Alemanha já disse considerar que o BCE deveria centrar-se só nos bancos mais representativos.

Stefaan De Rynck, que não se quis referir em detalhe aos comentários de Schäuble, insistiu, no entanto, que a Comissão Europeia vai propor que o BCE seja a "última autoridade" no que se refere ao controlo da estabilidade financeira, a viabilidade das instituições e os seus riscos.

"Claro que não vamos propor que o BCE faça tudo sozinho", explicou o porta-voz, sublinhando que os supervisores nacionais terão um "papel importante", principalmente no controlo do dia a dia dos bancos.

A Comissão Europeia prevê dar a conhecer oficialmente a sua proposta para criar uma união bancária na Europa no próximo dia 12, com o objectivo de que os Estados membros a discutam nos próximos meses e possa estar aprovada antes do fim do ano.

Ver comentários
Saber mais Comissão Europeia BCE
Outras Notícias