Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Comissão Europeia responde à S&P: "Rating da UE deve ser avaliado pelos seus méritos"

O porta-voz da Comissão Europeia respondeu esta quinta-feira à ameaça da Standard & Poor’s. Para a Comissão "o 'rating' da UE deve ser avaliado pelos seus méritos, devido ao estatuto especial do Orçamento" da União.

Ana Laranjeiro alaranjeiro@negocios.pt 08 de Dezembro de 2011 às 13:18
  • Partilhar artigo
  • ...
Amadeu Altafaj respondeu esta quinta-feira à ameaça da agência de notação financeira Standard & Poor’s (S&P). A agência de notação financeira alertou ontem que poderá descer o "rating" da União Europeia, actualmente em triplo A, bem como dos principais bancos da Zona Euro.

O porta-voz da Comissão Europeia, adiantou, citado pela Bloomberg, que “a visão da Comissão Europeia é que a lógica da S&P para colocar vários países do euro sob ‘credit watch’ com implicações negativas, não pode ser extensivo à própria União Europeia (UE)”.

Altafaj apontou ainda que a notação da “UE deve ser avaliado pelos seus próprios méritos, devido ao estatuto especial do Orçamento” da própria união, que não tem défice nem dívida e “aos próprios recursos da UE”, de acordo com a mesma fonte.

A S&P adiantou que esta decisão “é uma expressão dos nossos receios acerca do potencial impacto sobre a capacidade futura do serviço da dívida dos países da Zona Euro, e consequentemente sobre a UE, no contexto daquilo que encaramos como sendo um agravamento dos problemas políticos, financeiros e monetários na Zona Euro”.
Ver comentários
Saber mais Comissão Europeia Amadeu Altafaj Standard & Poor’s União Europeia
Outras Notícias