Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Governo britânico diz que plano de resgate espanhol é "deprimente"

Governo britânico voltou à carga nas críticas aos líderes da Zona Euro, desta vez com o ministro das Finanças, George Osborne, a dizer que o plano de resgate à banca espanhola é mau e vem tarde.

Rita Faria afaria@negocios.pt 13 de Junho de 2012 às 13:01
  • Assine já 1€/1 mês
  • 10
  • ...
George Osborne, ministro da Economia britânico, classificou de “deprimente” o plano de ajuda à banca espanhola, por considerar que chega tarde de mais e que está mal desenhado.

“O que é deprimente é que todo o mundo disse que a Zona Euro deveria recapitalizar directamente os bancos, e não por via da dívida pública de Espanha, porque caso contrário o mercado não ficaria convencido de que o país é solvente. Mas ainda assim, os governos da Zona Euro escolheram esse caminho”, disse Osborne, num evento organizado pelo “The Times”, citado pelo diário espanhol “Expansión”.

O ministro recorre assim a um dos principais argumentos utilizados pelos especialistas para condenar o plano de ajuda à banca espanhola, sublinhando que o empréstimo de 100 mil milhões de euros ao governo espanhol elevará a dívida pública aos 90% do PIB.

George Osborne acrescentou que “é frustrante que a reacção a cada problema chegue sempre demasiado tarde e não seja suficiente. Assim, vai produzir-se um prolongado período de incerteza e fragilidade na Zona Euro”.

O ministro da economia do Reino Unido questionou-se ainda se a Alemanha só vai reagir de verdade para defender o euro quando a Grécia o abandonar.
Ver comentários
Saber mais Reino Unido George Osborne Espanha resgate
Outras Notícias