Europa Portugal será o quinto país da UE que menos crescerá em 2019

Portugal será o quinto país da UE que menos crescerá em 2019

Portugal será um dos 28 Estados-membros que menos crescerá no próximo ano, segundo as previsões de Outono da Comissão Europeia.
Tiago Varzim 08 de novembro de 2018 às 17:00
Se as previsões de Outono da Comissão Europeia, publicadas esta quinta-feira, 8 de Novembro, se concretizarem, Portugal vai registar o quinto pior crescimento do PIB no próximo ano. No entanto, partilha essa marca com outros três países: Alemanha, Dinamarca e Suécia também vão crescer 1,8%.

A previsão de Bruxelas vê Portugal a crescer abaixo da média europeia, tanto da Zona Euro como da Comissão Europeia, que se fixa em 1,9% em 2019. Ainda esta manhã a expectativa do ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, era de que a economia portuguesa continue a crescer acima da média europeia. O Governo está mais confiante, tendo desenhado o Orçamento do Estado para 2019 com um PIB de 2,2%. 

No que toca ao défice também há diferenças entre a Comissão e os planos do ministro das Finanças, Mário Centeno. Bruxelas prevê que o défice desça apenas uma décima para 0,6% em 2019, acima dos 0,2% que o Governo prevê. De qualquer das formas, Portugal ficará nesse indicador com um desempenho melhor do que a média da Zona Euro e da União Europeia no próximo ano.

Entre os 28 Estados-membros, Itália é dos que tem o pior desempenho. Primeiro porque será o que menos cresce: 1,2% em 2019, apenas igualado pelo Reino Unido que, no próximo ano, oficializa o divórcio com a União Europeia. No défice, Itália só é superada pela Roménia que deverá ter um saldo orçamental de 3,4%, acima dos 2,9% para o Estado italiano pela Comissão.



pub