Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Rainha de Inglaterra pode enfrentar primeira greve de trabalhadores do Castelo de Windsor

A rainha Isabel II poderá enfrentar a primeira greve de funcionários reais devido a queixas relacionadas com salários “terrivelmente” baixos. O “staff” do Castelo de Windsor recebe abaixo do salário mínimo a partir do valor de 14.400 libras por ano.

David Santiago dsantiago@negocios.pt 30 de Março de 2015 às 16:14
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Os funcionários da residência real do Castelo de Windsor poderão fazer com que a rainha de Inglaterra, Isabel II, enfrente a primeira greve do "staff" real em mais de 60 anos de reinado.

 

O jornal britânico Telegraph avança que os funcionários reais na residência localizada na cidade de Windsor, protestam pelos salários e ajudas de custo "terrivelmente" baixos.

 

O salário base destes funcionários começa a partir das 14.440 libras por ano (cerca de 19,7 mil euros). E para além de este valor ficar abaixo do salário mínimo, espera-se que estes funcionários desempenhem funções extra sem os incrementos salariais respectivos. Têm de, por exemplo, desempenhar funções como a de guia turístico e tradutores dos turistas que visitam o castelo.

 

O sindicato que representa 120 dos 200 funcionários reais do Castelo de Windsor garante que a família real quebrou a promessa de assegurar pagamentos extra aos funcionários que desempenham funções extra.

 

Este sindicato informou que decorrerão votações entre esta terça-feira e o dia 14 de Abril, devendo os funcionários reais do Castelo de Windsor decidir qual o plano de acção. O sindicato assegura que se for votada a tomada de acção, os funcionários reais irão passar a recusar desempenhar trabalho extra, algo que deverá ter "um impacto significativo nos serviços prestados aos visitantes.

 

O Castelo de Windsor é o maior e mais antigo castelo ocupado no mundo, atraindo 1,1 milhões de visitantes todos os anos. Os turistas que visitam Windsor desembolsam mais de 17 milhões de libras (23,2 milhões de euros), montante utilizado na manutenção do castelo e do seu recheio.

 

De acordo com o Telegraph, o Palácio de Buckingham não prestou qualquer declaração sobre este assunto.

Ver comentários
Saber mais Castelo de Windsor rainha de Inglaterra Isabel II Palácio de Buckingham
Outras Notícias