União Europeia Emprego em Portugal cresceu o dobro da Zona Euro no último trimestre de 2017

Emprego em Portugal cresceu o dobro da Zona Euro no último trimestre de 2017

O emprego em Portugal avançou 3,2% nos últimos três meses do ano passado comparativamente com o mesmo período de 2016. Na união monetária o crescimento foi de 1,6%.
Emprego em Portugal cresceu o dobro da Zona Euro no último trimestre de 2017
Jose Manuel Ribeiro/Reuters
Ana Laranjeiro 14 de março de 2018 às 10:37

O emprego em Portugal cresceu o dobro da média da Zona Euro no último trimestre do ano passado, quando comparado com os últimos três meses de 2016, mostram os dados do Eurostat, divulgados esta quarta-feira, 14 de Março.

Em Portugal, o crescimento do emprego foi de 3,2% no período em questão, comparando com o período homólogo de 2016, enquanto a média na Zona Euro foi de 1,6%. Na União Europeia, o emprego avançou 1,5%.

Face ao trimestre anterior, o emprego avançou de Outubro a Dezembro 0,3% na Zona Euro e 0,2% na União Europeia, de acordo com os dados do gabinete europeu de estatísticas. Em Portugal, o crescimento do emprego ficou igualmente acima da média da Zona Euro. Em solo nacional, o emprego avançou 0,7% nos últimos três meses do ano passado.

O Eurostat estima que, no quarto trimestre do ano passado, havia 236,8 milhões de pessoas empregadas na União Europeia, das quais 156,7 milhões na Zona Euro.

Na comparação homóloga, as maiores subidas foram registas por Malta, Estónia e Croácia. Face ao trimestre anterior, as maiores subidas no emprego foram registadas por Malta, Estónia e Finlândia.




pub