Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Alexis Tsipras já tomou posse como primeiro-ministro grego

O líder do Syriza já foi empossado pelo presidente da República como primeiro-ministro da Grécia. Uma vez mais, como era expectável, Tsipras dispensou o ritual ortodoxo. Espera-se que o novo Executivo seja conhecido já esta terça-feira, 22 de Setembro.

Reuters
David Santiago dsantiago@negocios.pt 21 de Setembro de 2015 às 18:41
  • Assine já 1€/1 mês
  • 13
  • ...

Alexis Tsipras já é oficialmente primeiro-ministro da Grécia. Precisamente um mês e um dia depois de ter apresentado a sua demissão, em conjunto com a do Governo que chefiou durante cerca de sete meses, ao presidente da República grego, Prokopis Pavlopoulos, esta segunda-feira, 21 de Setembro, Tsipras reassumiu a chefia do Executivo.

 

Tal como após as eleições legislativas de 25 de Janeiro deste ano, o líder do Syriza dispensou o habitualmente característico ritual ortodoxo que presidia às cerimónias de tomadas de posse. Segundo palavras proferidas por Alexis Tsipras depois da vitória eleitoral do passado domingo, o Syriza recebeu um "mandato de quatro anos", que o novo primeiro-ministro pretende cumprir na íntegra para "devolver o orgulho" ao povo helénico.

 

Tsipras irá assim suceder a Vassiliki Thanou, presidente do supremo tribunal, que assumiu a chefia de um Governo provisório durante o período que mediou entre a demissão do secretário-geral do Syriza e esta segunda-feira.

 

Duas horas antes de tomar posse como primeiro-ministro, o líder do Syriza já havia recebido mandato do presidente Pavlopoulos para a formação de Governo, cujos membros serão conhecidos já amanhã, 22 de Setembro. Euclid Tsakalotos, sucessor de Yanis Varoufakis, deverá reassumir a pasta das Finanças.

O Syriza venceu as eleições de ontem conquistando 35,5% dos votos, um resultado muito próximo daquele verificado a 25 de Janeiro. Apesar de ter perdido quase 300 mil votos face à eleição de Janeiro, o partido de Alexis Tsipras elegeu 145 deputados, menos quatro do que no último acto eleitoral. 

Ao contrário do sucedido depois da eleição que colocou, pela primeira vez, o Syriza no Governo, os dirigentes europeus mostram-se bem menos receosos, acreditando no compromisso do próximo Executivo helénico com as reformas previstas no memorando de entendimento negociado entre a anterior equipa de Tsipras e os credores. Antes mesmo da tomada de posse, Tsipras e a chanceler alemã, Angela Merkel, mantiveram uma curta conversa telefónica em que ambos terão acordado "cooperar de perto nos temas europeus". Antes, o porta-voz de Merkel, Steffen Seibert, reiterou a vontade do Governo germânico em "trabalhar estreitamente e em parceria com o novo Governo grego".

(Notícia actualizada às 18h55)

 

Ver comentários
Saber mais Grécia Alexis Tsipras Governo Prokopis Pavlopoulos Vassiliki Thanou Euclid Tsakalotos Yanis Varoufakis primeiro-ministro Angela Merkel
Outras Notícias