Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Barnier: Solução para o Chipre é melhor que a bancarrota

O comissário europeu responsável pelo mercado interno, Michel Barnier, disse esta segunda-feira que a solução para Chipre "é melhor que a bancarrota" e considerou que se o modelo de supervisão bancária europeia estivesse em vigor o país não teria problemas.

Lusa 25 de Março de 2013 às 13:12
  • Partilhar artigo
  • 1
  • ...

O Banco Central Europeu não teria permitido aos bancos cipriotas "fazerem o que têm andado a fazer há algum tempo" se fosse o supervisor bancário, disse Barnier hoje em Bruxelas, acrescentando que é tempo de os bancos "se afastaram de uma cultura financeira de curto-prazo".

 

Numa conferência de imprensa na capital belga, o comissário europeu responsável pelo mercado interno afirmou ainda que os novos regulamentos de supervisão bancária teriam impedido a crise cipriota, mas admitiu que as instituições europeias "deviam ter sido mais vigilantes há mais tempo".

 

Já sobre a restrição ao movimento de capitais, o comissário europeu confirmou que "só podem durar alguns dias" e que essa limitação tem de manter-se "excepcional".

 

Para Michel Barnier, Chipre precisava de uma supervisão bancária mais rigorosa, mas é certo que, agora, o modelo cipriota baseado no sector financeiro "chegou ao fim".

 

Depois de uma primeira tentativa a 16 de Março, a Zona Euro e o FMI chegaram a acordo, na madrugada de hoje, com as autoridades de Nicósia para conceder uma ajuda de 10 mil milhões de euros a Chipre.

 

Em troca da ajuda, o país compromete-se essencialmente a reduzir o seu sector bancário, encerrando o segundo maior banco de Chipre, o Laiki Bank, e a reestruturar o maior, o Banco de Chipre.

 

Os depósitos inferiores a 100 mil euros não serão afectados, contrariamente ao inicialmente previsto, quando se avançou com a intenção de se criar uma taxa para todos os depósitos.

 

Entre outras medidas, figura um aumento do imposto sobre as empresas, que passa de 10% para 12,5%, e sobre as privatizações.

Ver comentários
Saber mais Chipre Michel Barnier depósitos ajuda externa banca
Outras Notícias