Zona Euro Desemprego na Zona Euro volta a subir e atinge novo recorde nos 11,7%

Desemprego na Zona Euro volta a subir e atinge novo recorde nos 11,7%

Os dados do Eurostat indicam que existem 18,7 milhões de pessoas desempregadas na Zona Euro e 25,9 milhões em toda a União Europeia.
Desemprego na Zona Euro volta a subir e atinge novo recorde nos 11,7%
Ana Luísa Marques 30 de novembro de 2012 às 10:11

A taxa de desemprego na Zona Euro subiu de 11,6%, em Setembro, para 11,7% em Outubro, o valor mais elevado desde que o Eurostat iniciou os registos em 1995.

Na União Europeia, o desempenho foi semelhante, com a taxa de desemprego a subir de 10,6% para 10,7%.

As taxas de desemprego mais elevadas continuam a registar-se em Espanha (26,2%) e na Grécia (25,4% em Agosto de 2012). Em terceiro lugar surge Portugal, que atingiu, em Outubro, uma taxa de desemprego de 16,3%. O País renova assim a taxa de desemprego mais elevada de sempre (em Agosto de 2012 também tinha atingido os 16,3%) e, de acordo com os números do Eurostat, regista uma das maiores subidas homólogas entre os parceiros europeus: em um ano, o desemprego em Portugal subiu de 13,7% para 16,3%. Grécia, Espanha e Chipre completam o grupo de países onde o desemprego mais subiu no último ano.  

Há quase 26 milhões de desempregados na Europa

Os dados do instituto de estatística europeu indicam que no final de Outubro de 2012 existiam 25,9 milhões de homens e mulheres desempregados na União Europeia (UE), dos quais 18,7 milhões na Zona Euro. "Face a Setembro de 2012, o número de pessoas desempregadas aumentou em 204 mil na UE e em 173 mil na Zona Euro. Face a Outubro de 2011, o desemprego subiu 2,16 milhões na UE e 2,17 milhões na Zona Euro", pode ler-se no comunicado do Eurostat.

A taxa de desemprego continua a ser mais elevada entre as mulheres, tendo atingido os 11,8% na Zona Euro e os 10,7% na UE. Entre os homens, o desemprego subiu para 11,6% nos países do euro e para 10,7% na UE.

Entre os jovens, o desemprego atingiu 5,6 milhões de pessoas na UE, dos quais 3,6 milhões na Zona Euro. Assim, a taxa de desemprego jovem subiu, em Outubro, para os 23,4% na UE e para os 23,9% na Zona Euro.  

(Notícia actualizada às 11h16)




Marketing Automation certified by E-GOI