Zona Euro Dívida portuguesa continua a recuar mas foi a terceira maior da UE no 3.º trimestre

Dívida portuguesa continua a recuar mas foi a terceira maior da UE no 3.º trimestre

A dívida pública portuguesa manteve no terceiro trimestre do ano passado a trajetória descendente, recuando para os 120,5% do PIB, que ainda assim continua a ser o terceiro valor mais elevado na União Europeia, revela hoje o Eurostat.
Dívida portuguesa continua a recuar mas foi a terceira maior da UE no 3.º trimestre
Miguel Baltazar/Negócios
Lusa 21 de janeiro de 2020 às 10:53
Os dados hoje publicados pelo gabinete oficial de estatísticas da UE revelam que, entre julho e setembro do ano transato, o rácio da dívida pública face ao Produto Interno Bruto (PIB) recuou para os 86,1% na zona euro e para os 80,1% no conjunto da União, o que representa descidas tanto na variação em cadeia como na comparação homóloga.

No trimestre anterior, entre abril e junho de 2019, a dívida pública era de 86,4% na zona euro e de 80,4% nos 28 Estados-membros, enquanto no terceiro trimestre de 2018 se situava nos 87,1% no espaço da moeda única e nos 81,4% no conjunto da União.

Portugal manteve no terceiro trimestre de 2019 o terceiro maior rácio de dívida pública da UE, sendo os seus 120,5% suplantados apenas por Grécia (178,2%) e Itália (137,3%), mas continua a manter uma trajetória descendente consistente, tendo registado o segundo maior recuo em termos homólogos (-5,0 pontos percentuais, face ao rácio de 125,5% do terceiro trimestre de 2018), enquanto na variação em cadeia 'caiu' 0,6 pontos (era de 121,1% no segundo trimestre de 2019).

Os Estados-membros com dívida pública mais baixa no terceiro trimestre do ano passado foram a Estónia (9,2%), o Luxemburgo (20,2%) e a Bulgária (20,6%).




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI