Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Dívida das famílias espanholas baixou para valores de 2006

As famílias espanhola estão a dever pouco mais do que deviam em Novembro de 2006. O crédito à habitação representa mais de três quartos da dívida total dos espanhóis.

Negócios 02 de Junho de 2014 às 15:40
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

A dívida financeira dos lares espanhóis situou-se nos 771.604 milhões de euros em Abril, o que supõe uma queda de 5,3% face ao período homólogo.

 

Assim, a dívida financeira das famílias espanholas caiu para o nível mais baixo desde Novembro de 2006, quando marcava os 767.602 milhões de euros, revelam os dados publicados esta segunda-feira, 2 de Junho, pelo Banco de Espanha, citados pelo "El Mundo".

 

Em Abril, o recuo foi de 0,3% face ao mês anterior. A dívida financeira dos espanhóis está, assim, em queda há oito meses consecutivos.

 

Concretamente, o crédito habitação representou 602.294 milhões de euros no quarto mês do ano, menos 4,3% que em Abril de 2013, o nível mais baixo desde Março de 2007, quando se situou nos 596.486 milhões. Os empréstimos para aquisição de habitações representam mais de três quartos do total da dívida financeira das famílias.

 

Dívida das empresas também recua

 

A seguir a tendência está a dívida das empresas espanholas, que em Abril caiu 0,3%, totalizando 1,04 mil milhões de euros. Na taxa inter-anual, a dívida empresarial baixou 6,3% como consequência do processo de recuperação de capacidade de pagamento de dívida das empresas desde o início da crise.

 

A ligeira queda da dívida empresarial espanhola explica-se pela queda dos empréstimos de entidades de crédito nacionais e os empréstimos titularizados fora do balanço, que cairam em 0,6% no quarto mês do ano, para os 626.248 milhões de euros.

Ver comentários
Saber mais Banco de Espanha dívida das famílias dívidas das empresas
Outras Notícias