Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Eurogrupo sobre a Grécia: "Estamos onde devíamos estar há dois meses"

Na opinião de Thomas Weiser, o presidente do grupo de economistas que prepara as reuniões dos ministros das Finanças dos países do euro, só em Maio deverá ser possível ter uma lista de reformas concretas da Grécia.

Reuters
Negócios 22 de Abril de 2015 às 16:22
  • Assine já 1€/1 mês
  • 6
  • ...

"Nem sequer ainda começámos com negociações concretas  e o programa de assistência só estará em vigor por mais dois meses [até ao fim de Junho], pelo que o tempo começa a escassear", diz Thomas Weiser, que preside ao grupo de economistas que prepara as reuniões dos ministros das Finanças dos países do euro (Eurogrupo).

 

"Neste momento, estamos onde devíamos estar há dois meses", lamenta em entrevista à televisão austríaca ORF, citada pela Bloomberg, concluindo que "a pressão, sobre nós e sobre a Grécia, para alcançar um resultado está a aumentar a cada semana que passa".

 

O presidente do grupo de trabalho do Eurogrupo confirma, assim, a probabilidade de nada de concreto sair da reunião dos ministros das Finanças, que terá lugar nesta sexta-feira, 24 de Abril, em Riga.

 

Não obstante as negociações continuarem a arrastar-se, Thomas Weiser acredita na possibilidade de se chegar a um acordo. Sobre a situação de liquidez na Grécia, diz que estará "apertada", mas acredita que o país terá nos seus cofres meios suficientes para se manter até "meados de Junho".

 

Ver comentários
Saber mais Thomas Weiser Eurogrupo Grécia economia negócios e finanças euro Riga
Mais lidas
Outras Notícias