Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Fitch avisa para probabilidade de cortar o "rating" da Catalunha para lixo

Se o Estado espanhol retirar o apoio ao financiamento da Catalunha, o "rating" da dívida emitida pela região deverá descer para o patamar de investimento especulativo, vulgo "lixo".

Bloomberg
Negócios 30 de Setembro de 2014 às 11:33
  • Assine já 1€/1 mês
  • 4
  • ...

A agência de rating Fitch colocou em "perspectiva negativa" a notação de qualidade dos títulos de dívida emitidos pela região autónoma da Catalunha, depois de o presidente da Generalitat, Artur Mas, ter assinado o decreto que agenda para 9 de Novembro o referendo sobre a independência, decreto esse que foi suspenso, por ser considerado ilegal, pelo Tribunal Constitucional de Espanha.

 

O aviso de que a dívida da Catalunha pode em breve - dentro de três a seis meses - ver o seu rating cortado "reflecte as crescentes tensões entre o governo central e o governo regional da Catalunha, após o anúncio por este último de uma consulta não vinculativa sobre o futuro da região dentro de Espanha ou como um país independente", explica a Fitch numa nota enviada aos investidores na tarde de 29 de Setembro. 
 
A Fitch classifica actualmente em BBB- os títulos de dívida da Catalunha, graças ao apoio fornecido pelo governo central em Março de 2013, através do Fundo Regional de Liquidez (FLA). Em Abril, a agência elevou o rating de Espanha para BBB +. 

 

Se o Estado espanhol retirar o seu apoio à Catalunha, a classificação da região será reduzida pelo menos dois níveis, escreve a Fitch, o que traria a dívida catalã para o terreno de investimento especulativo, ou "lixo". "É pouco provável que os investidores comprem dívida da Catalunha nestas circunstâncias", acrescenta a Fitch.   

Ver comentários
Saber mais Fitch rating referendo Catalunha lixo
Outras Notícias