Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Governo grego quer criar 770 mil postos de trabalho até 2020

O primeiro-ministro grego anunciou esta terça-feira que o seu Governo pretende criar 770 mil postos de trabalho em sectores chave da economia. Antonis Samaras manifestou ainda a intenção de reduzir a taxa máxima do IVA para 12% e do IRS para 33%.

Bloomberg
Negócios 20 de Maio de 2014 às 19:55
  • Partilhar artigo
  • 10
  • ...

Após seis anos consecutivos de recessão económica, o produto interno bruto (PIB) grego começa, lentamente, a recuperar e deverá crescer 0,6% em 2014 e 2,9% em 2015, segundo as mais recentes previsões da Comissão Europeia.

 

É neste ambiente de recuperação económica que o primeiro-ministro, Antonis Samaras, promete criar 770 mil postos de trabalho até 2020 e reduzir a carga fiscal do país.

 

A ambição do Governo, afirmou Samaras durante um discurso proferido esta terça-feira, 20 de Maio, em Atenas, é reduzir o IRC para 15%, a taxa máxima do IVA dos actuais 23% para 12% e a taxa máxima do IRS dos actuais 45% (para rendimentos superiores a 100 mil euros) para 33%.

 

Samaras identificou cinco sectores chave para a economia grega – turismo, agricultura, indústria, energia e logística – e referiu que o país necessita de investimentos nas áreas dos transportes e infra-estruturas. "As prioridades do Governo passam por reformas estruturais, aumento da liquidez, redução do desemprego e dos impostos", afirmou o chefe do Governo de coligação grego.  

Ver comentários
Saber mais Comissão Europeia Antonis Samaras Atenas Grécia
Outras Notícias