Zona Euro Passos Coelho: É um abuso usar a Grécia como motivo para repensar a União Europeia

Passos Coelho: É um abuso usar a Grécia como motivo para repensar a União Europeia

O primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, defendeu este domingo ser "um abuso" usar a situação da Grécia para repensar toda a Europa que, disse, tem progredido muito mas tem de criar novos mecanismos de desenvolvimento.
Passos Coelho: É um abuso usar a Grécia como motivo para repensar a União Europeia
Miguel Baltazar/Negócios
Lusa 08 de fevereiro de 2015 às 18:00

"Há quem queira usar a situação da Grécia para repensar toda a Europa. Eu julgo que é um abuso porque a Europa tem progredido muito, temos conseguido ser todos muito solidários, mas os problemas que ainda temos estão para além dos problemas que a Grécia ainda tem para resolver como o fim do programa da assistência", frisou.

 

O governante espera que gregos consigam, também com a ajuda de Portugal, ultrapassar as suas dificuldades mas considera que não se deve atribuir à Europa todos os problemas da Grécia.

 

"Nós ultrapassámos as nossas [dificuldades], os irlandeses também ultrapassaram, a Espanha também, a Grécia ainda não conseguiu e, como no passado, cá estaremos todos para ajudar a Grécia a resolver os seus problemas, mas não parece que os problemas da Grécia sejam os problemas que a Europa tem de resolver", frisou.

 

Destacou, contudo, que "a Europa ainda tem problemas", esperando que "não seja preciso mais uma grande crise" a nível europeu para que os seus mecanismos sejam melhorados, até porque "quem vive sob a mesma moeda precisa de uma grande articulação económica e financeira".

 

Passos Coelho falava durante a cerimónia de inauguração do novo Quartel dos Bombeiros Voluntários de Vale de Cambra, na Zona Industrial de Lordelo.




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI